• Tânia Cecília

Eu sei que vou te amar por toda a minha vida!



Já dizia a canção: “Eu sei que vou te amar, por toda a minha vida eu vou te amar…”. Quem de nós nunca ouviu esta atemporal canção composta por Vinícius de Moraes e Tom Jobim? Até hoje esta música consegue registrar com muita felicidade o verdadeiro estado de espírito de quem ama de verdade. Qual será então o real segredo para uma relação feliz e duradoura?

Creio que não há uma fórmula pronta que possa ser usada por qualquer pessoa. O amor deve ser criado pelo casal, conforme suas necessidades e anseios.

Nos últimos tempos, o casamento tem se tornado algo ultrapassado. Muitos casais optam por não se casar, pois se a relação não der certo, será mais fácil rompê-la sem muitos prejuízos.

Acredito que o primeiro passo para um casamento duradouro é o de querer se casar para ser feliz. Quando assumimos esta posição diante da possibilidade do casamento, passamos a ter um olhar mais maduro sobre o assunto.

A consciência de que a união com o cônjuge somará em nossa vida, fazendo-nos melhores e mais felizes, nos permitirá partir para um casamento predisposto a dar certo.

Mas como em qualquer relação, os problemas do dia a dia e a rotina podem nos afastar deste alvo. Por isso, é de total relevância que o casal esteja atento ao amor que criou. É preciso que as pequenas coisas cotidianas se tornem grandes e sejam valorizadas, pois o amor se alimenta de pequenas porções diárias.

O casal deve se lembrar sempre dos motivos e anseios que os uniu. O amor entre ambos deve ter suas raízes no equilíbrio, sendo firmado todos os dias por meio de uma relação calorosa e estreita.

Ainda que o tempo passe, o casal deve procurar manter o romantismo, reacendendo sempre a chama do amor, e para que isso ocorra é preciso ter na relação muita demonstração de carinho e muita cumplicidade.

Porém, apesar de tudo isso, creio que o ponto crucial para uma relação feliz é saber que não se está só, que além dos dois deve haver a maravilhosa presença de Cristo, o que torna o cordão de três dobras indestrutível. Quando colocamos nossa vida e nossa relação conjugal diante de Deus, tornamo-nos fortes para enfrentar as possíveis tempestades que virão.

O segredo de um casamento feliz é saber que o nosso cônjuge nos foi dado como presente por Deus para que possamos compartilhar a vida com alguém que nos ama.

A convivência traz e sempre trará algumas arestas que devem ser aparadas no devido tempo para que o amor não enfraqueça. Porém, a doce presença de Cristo nos dá a segurança de que o amor pode ser fortalecido por meio da fé.

#Família #Amor

8 visualizações0 comentário
  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now