A criação de meninos e meninas



Vemos assustados as tantas apologias, pressões e confusões que estão tentando influenciar e destruir o que Deus criou para o homem, a mulher e as crianças dentro dos valores judaico-cristãos aceitos e aprovados, que vêm formando pessoas e famílias estruturadas por muitos séculos e gerações, ainda que com erros, muitas vezes. A pós-modernidade, o feminismo e o hedonismo têm levado o pai e a mãe a disputarem sua posição e desenvolvimento profissional e financeiro, distanciando-os um do outro e dos seus filhos. Mais do que nunca, se você quer livrar seus filhos – meninos e meninas – dessas apologias e pressões, quero deixar algumas dicas para que você e seu cônjuge avaliem se não estão se amoldando ao padrão deste mundo (Romanos 12.2). São dicas práticas, vivenciadas por nós e nossos quatro filhos (dois rapazes e duas moças):

1 – Tire tempo para orarem diariamente juntos, como casal e como família, pois isso, além de trazer a presença e autoridade de Jesus (Mateus 18.18-20), vai gerando uma unidade do Espírito e vínculos fortes de afeto e interdependência, pois na hora de orarmos ficamos abraçados, de mãos dadas e muitas vezes perdoando e sendo perdoados, antes de orar (Mateus 5.21-26; 1 João 1.5-10)! 2 – Antes de sair de casa, abrace e beije seus filhos, apertando-os ao corpo e declarando seu amor e o valor deles na sua vida. Ao chegar do trabalho, não só os abrace e beije, mas também dedique uns 10 a 15 minutos para brincar com eles, rolar no chão, brincar do que eles gostam. Você vai ver que, depois desses minutos, eles vão brincar de outras coisas, vão desobedecer menos e ficar mais carinhosos. 3 – Tirem um dia por semana para fazerem um culto em família, umas brincadeiras, ouvir o que eles estão sentindo e sofrendo com os nossos erros e com as pressões das mídias e colegas. Minha esposa escreveu o livro Mulher + mulher, onde ela conta e cita muitas atividades que fizemos em família (disponível no nosso blog www.mfamiliareal.com.br). 4 – Evite e tenha critérios muito rígidos na exposição de seus filhos à internet, jogos online, desenhos e filmes, pois são as mais fortes ferramentas do inferno para destruir a pureza deles e jogá-los contra Deus, seus pais e os princípios e valores de Deus e da família. Dar celular, tablet e computador com livre acesso é semear desgraças e maldições para si mesmos e para seus descendentes, como garante Deus em Deuteronômio 11.13-28; Malaquias 4.5-6; Provérbios 22.6; Salmos 127 e 128; Efésios 6.1-4. 5 – O pai deve ser o primeiro a fazer isso, pois é ele quem dá a identidade sexual, segurança e o destino dos meninos e das meninas, e a falta disso os torna mais vulneráveis às pressões citadas, especialmente à homossexualidade.

Ao Senhor pertence a terra e tudo o que nela há, o mundo e os que nele habitam; tudo é do Senhor… Seus filhos são herança do Senhor e o fruto do ventre seu galardão? Você vai deixar seus filhos como herança do Senhor ou do mundo e do príncipe deste mundo? Pare, pense e mude!

#Criaçãodefilhos

10 visualizações
  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now