O sábios ainda o procuram porque...



Jesus é Emanuel, Deus conosco, em meio à solidão. “A virgem ficará grávida e dará à luz um filho, e o chamarão Emanuel, que significa ‘Deus conosco’” (Mateus 1.23).

Somente na hora da solidão podemos realmente nos conhecer, caminhar pelos corredores de nosso ser e de nossas características individuais e únicas. É esse o momento de nos expor ao Pai que nos criou e preparou antes mesmo de nossa concepção.

A compreensão dessa realidade nos leva a uma inevitável tristeza, a uma sensação de abandono, de impotência. Por outro lado, revela a grandiosidade de Deus, que nos criou. A criatividade infinita, o cuidado do Projetista Mor.

É bom podermos contar com amigos, com familiares, não só nos momentos de dificuldade, mas também nos de alegria. O compartilhar a vida é muito compensador, porém não podemos nos iludir acreditando que todas as nossas necessidades emocionais serão supridas. Nenhum relacionamento consegue fazer isso: cônjuge, filhos, pais ou amigos.

Estamos, então, fadados a viver com esse “buracos” em nossa vida?

Se o buscarmos, é na solidão dessa individualidade que encontraremos com o Deus pessoal, com o Jesus amoroso e gracioso que se apresenta exatamente no formato do vazio existente em nosso coração e o preenche, como uma chave se encaixa exatamente à sua fechadura.

#Natal #Jesus

  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now