Equacionando as pressões externas



Como anda sua comunicação em seu lar? Quando você fala, há um entendimento por parte da outra pessoa? Sua comunicação é boa? Que ações têm sido praticadas para melhorá-la? O rei Salomão escreveu em Cantares 2.15: “Apanhem para nós as raposas, as raposinhas que estragam as vinhas, pois as nossas vinhas estão floridas” (NVI). Usando esse texto como referência, pensemos: sua comunicação é boa e crescente? Há um bom relacionamento entre o casal? Não podemos nos acomodar à situação, pois Satanás busca destruir o plano de Deus, a família. O texto diz que devemos apanhar as raposas e as raposinhas. Esses animais representam os assuntos mal resolvidos, as palavras ásperas, as brigas, o sol se pondo sobre a sua ira, agressões físicas, o desprezo, ausência do lar, pois não existe prazer em estar em casa. O plano de Deus está em flor, e se não for cuidado, o fruto não nascerá; é o momento mais importante e precisa de uma ação urgente de sua parte. No caso da vinha, o clima deve ser perfeito, a água e os nutrientes da terra devem estar equilibrados, assim o fruto nascerá e a alegria da colheita chegará. Não havendo cuidado, haverá uma linda florada, mas a falta de ação fará com que nenhum fruto venha a nascer, porque a amargura se instaurará no seu lar, e o resultado final será a separação. Que tipo de investimento tem acontecido no seu lar? Aconselhamento matrimonial, culto doméstico, diálogo em família? Certa família promovia um piquenique uma vez ao mês e passava a tarde acertando os problemas que ocorreram durante o mês. Perguntei qual era o resultado desses encontros, e a resposta foi: reconciliação e relacionamentos restaurados. Uma pausa no seu lar com certeza permitirá diagnosticar quais problemas estão impedindo a felicidade de participar da sua família. Nós nos preocupamos com a educação e formação de nossos filhos e nos esquecemos de que eles são “herança de Deus” e que um dia prestaremos conta do resultado da formação e caráter de cada um deles. A Bíblia narra que Jesus “crescia em estatura e graça diante de Deus e dos homens”. O acúmulo de atividades, trabalho e o grande tempo que gastamos nos deslocamentos têm sido uma causa constante de estresse, e quando chegamos ao fim do dia nos encontramos exaustos e irritados. Ao chegar em casa, inicia-se uma nova jornada de trabalho e cuidados na família. Quando o marido trabalha fora e a esposa em casa, ao chegar ao lar, ele está pronto para descansar e ela pronta para sair. Busquemos equilíbrio por meio da compreensão, colaboração e sabedoria. Busque equacionar as pressões externas que têm gerado crise, descontentamento e incompreensão, entendendo o tempo em que vocês estão vivendo, pagando o preço, estabelecendo alvos. Os alvos de curto prazo são mais fáceis de ser alcançados. Deixe sua família saber quais são as metas que são perseguidas e quais os resultados alcançados e celebrem juntos as conquistas e vitórias antes de começar novos desafios.

#Comunicaçãoação

  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now