Dialogando com seu filho sobre suas amizades



Neste artigo, quero falar sobre a bênção de tornar-se o melhor amigo de seu filho. O conflito de gerações sempre existiu, mas nós precisamos entender que nossos filhos são heranças da parte de Deus, e como pais não podemos, depois que chegamos a este tempo da criação, permitir que outros venham e estraguem tudo aquilo que lhes ensinamos e que foi construído na família.

A amizade que nossos filhos vivem com seus amigos precisa ser selecionada com alguns cuidados: conhecer a família, conhecimento do ambiente em que vivem e a certeza de que os princípios que foram ensinados a eles manterão sua integridade e seu crescimento saudável.

Nossos filhos são criados para se tornarem luz em meio às trevas? Com as suas ações, transformarão o mundo ou serão transformados por ele? Hoje meus dois filhos já estão criados, e como fico feliz ao vê-los transmitindo os ensinamentos aprendidos para sua própria família. Nem sempre foi fácil ou simples, muitas batalhas foram enfrentadas, mas em todo esse tempo de criação eu tinha a promessa de Deus: “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele” (Provérbios 22.6).

A vida foi nos ensinando, dentro dos cuidados da igreja e das tarefas denominacionais, que eu deveria, no tempo que tivesse, buscar qualidade de vida na convivência com eles. O culto doméstico, as brincadeiras, as férias juntos nos levaram a priorizar nossa família nesse tempo. Havia uma alegria por estarmos juntos, nenhum assunto deixou de ser conversado e buscamos sempre a instrução da Palavra de Deus.

Recordo-me da primeira vez que ouvi meu filho pronunciar um palavrão. O primeiro temor dele foi a repreensão que iria sofrer. Eu e minha esposa nos assentamos com ele no sofá da sala, e ali pedi a ela que falasse um palavrão para que ele ouvisse. Depois eu também falei um palavrão mais feio e em seguida perguntei para ele se por acaso ele já havia visto nós usarmos aquelas palavras. Ele, com os olhos arregalados, disse: “Não, pai, nunca ouvi essas palavras da sua boca ou da boca da mamãe!”. Então afirmei que nós conhecíamos todos os tipos de palavrão, porém a Bíblia diz que “a boca fala do que está cheio o coração” (Mateus 12.34b).

No início deste ano, eu e meu filho tivemos o privilégio de celebrar um casamento em conjunto, porque o pai do noivo é meu amigo e o noivo é amigo de infância do meu filho. Nesse dia, ouvi um testemunho sobre a bênção que meu filho foi ao influenciar seus amigos do condomínio. Hoje sou grato a Deus por estar colhendo os frutos de toda a sabedoria que Deus nos concedeu ao instruirmos nossos filhos.

Você pode tornar-se o melhor amigo dos seus filhos se houver diálogo e sabedoria que vem do alto para educá-los. Busque ao Senhor e aplique os ensinamentos bíblicos para o bem deles e para o seu próprio bem. Vale a pena!

#Filhos #Amizades #Relacionamento #Influência

  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now