Como os casais podem encontrar tempo



Ah, agora não! Não tenho tempo! Deixa para depois! Amanhã eu vejo isto...

Será que você é daqueles que esquecem as datas importantes da família? Que se atrasam ou mesmo não chegam a tempo nos eventos pré-agendados em família (festinhas, formaturas, jogos dos filhos)?

Precisamos entender que o maior investimento que se faz no casamento não é o financeiro, mas de tempo; o tempo é o nosso bem mais precioso.

O tempo já foi refletido por filósofos como Agostinho de Hipona, Immanuel Kant e também por cientistas como Isaac Newton e Albert Einstein (1879-1955). Todos analisaram as ações, as consequências, a simultaneidade, enfim, o significado do tempo na vida humana. Contudo, até o presente, a humanidade continua em crise com o seu presente, mais até do que com o seu passado.

Mas por quê? Entre várias respostas cabíveis, porque não dominamos o tempo! Sim, “o tempo não para”, e se não o fizermos nosso parceiro, amigo, companheiro, seremos escravos dele e estaremos em guerra constante, e muitas serão as vítimas dessa relação desarmoniosa com o tempo, inclusive nossa saúde, paz e nosso casamento.

Vale lembrar que, ao estabelecer o tempo, o Eterno declara: Eis que tudo é muito bom. O tudo aqui inclui as 24 horas do dia, os 7 dias da semana. Se Deus diz que é bom, por que não o vemos assim? Por conta de nossas escolhas, de nossas prioridades.

Respondendo à nossa questão inicial: como esposa e marido que trabalham podem encontrar tempo um para o outro? De maneira muito simples: “Não perdendo tempo com aquilo que tira a paz, a alegria, o convívio saudável e a harmonia do casal e da família”.

Se não dominamos os ponteiros do relógio, precisamos ser donos de nossas agendas. Definir bem nossas prioridades e planejarmos o uso do tempo de maneira consciente, valorizando o que tem mais valor. Em uma casa, o tempo de um não é suficiente, mas podemos multiplicar esse tempo! No lar, o uso consciente do tempo não se refere apenas ao “meu tempo”, mas também à ação de valorizar o tempo do meu cônjuge! Já faz muito tempo que não é apenas o homem que tem rotina externa ao lar, e assim o tempo de ambos se torna ainda mais valioso.

Muito antes de Einstein, Davi declarou que um dia na presença do Senhor vale mais do que mil em outros lugares. Davi escolheu onde, como, com quem e com o que usar seu tempo. Davi priorizou. O casal precisa não apenas dividir as tarefas do lar, mas ter alegria em fazê-las juntos. Se ambos trabalham e estudam, o tempo para estar juntos pode ser o tempo da feira, do mercado ou mesmo da louça. Esse tempo é precioso, não o desperdice com críticas, animosidades ou procrastinação.

Você acha que seu cônjuge não tem tempo para você? Dobre o tempo atuando ao seu lado!

#Tempo #Casamento

  • Twitter Clean
  • w-facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now